Domingo, 25 Setembro, 2022

12 das aldeias mais bonitas do Centro de Portugal

Data:

Partilhar:

Não há dúvidas: o Centro de Portugal está na moda. E se outrora os turistas visitavam sobretudo Coimbra ou a Serra da Estrela, hoje em dia outros muitos destinos começaram a despontar. Entre esses destinos estão as aldeias do Centro de Portugal, que se contam entre algumas das mais bonitas e melhor conservadas do país, fruto de um trabalho árduo e constante nos últimos anos.

O Centro de Portugal inclui 2 grandes grupos de aldeias, integrados em diferentes redes: as Aldeias de Xisto e as Aldeias Históricas. As primeiras localizam-se sobretudo na Serra da Lousã e na Serra do Açor, enquanto que as segundas podem ser encontradas mais perto da zona raiana com Espanha.

Todas estas aldeias são diferentes, mas todas elas representam o melhor, o mais tradicional e o mais genuíno que Portugal tem para mostrar. Visitá-las é fazer uma autêntica viagem ao passado. Descubra algumas das mais bonitas aldeias do Centro de Portugal.

1. Sortelha

Sortelha
Sortelha

É das mais antigas aldeias históricas, e é também a que se encontra a maior altitude (760 metros). É também das aldeias mais bem preservadas de Portugal. As ruas e vielas de Sortelha encontram-se cercadas por um círculo defensivo, vigiado pelas muralhas do castelo do século XIII. Não deixe de visitar este monumento e conhecer alguns dos maiores túmulos medievais de toda a Península Ibérica.

2. Piódão

Piódão
Piódão

Construída nas encostas da Serra do Açor, Piódão tem um dos mais vastos conjuntos de habitações em xisto de Portugal. As casas estão distribuídas ao longo da montanha, tornando o conjunto ainda mais harmonioso e digno de ser apreciado com a devida calma e tranquilidade.

3. Castelo Novo

Castelo Novo
Castelo Novo

A aldeia de Castelo Novo, construída numa colina na Serra da Gardunha, encontra-se ligada à independência portuguesa. Durante o reinado de D. Sancho I, mais concretamente em 1208, a localidade foi entregue aos Templários, que prosseguiram com a construção do castelo que estava a ser erguido.

Séculos mais tarde, a estrutura foi remodelada a mando de D. Dinis, ganhando o estilo gótico que hoje pode ser observado. Pelas ruas da aldeia, encontrará diversas marcas e pormenores arquitetónicos que contam a história de Castelo Novo.

4. Castelo Rodrigo

Castelo Rodrigo
Castelo Rodrigo

Castelo Rodrigo é o local perfeito para dias de descanso e tranquilidade, com uma vista maravilhosa e com um património único e histórico, do qual destacamos o castelo. Associada à aldeia, está uma lenda, que diz que São Francisco de Assis por aqui pernoitou, recarregando energias antes de regressar à estrada e completar a sua peregrinação até Santiago de Compostela.

5. Cerdeira

Cerdeira
Cerdeira

Cerdeira é uma aldeia que parece saída de um conto de fadas. Logo à entrada, a ponte conduz-nos a um espaço surpreendente, com as casas a ocuparem o morro rochoso, e com as partes planas a serem destinadas à agricultura.

O piso é em ardósia, e o caminho conduz a uma fonte, com a vegetação sempre em primeiro plano. O local é um conhecido retiro de criação artística, ocorrendo aqui residências artísticas internacionais, workshops de formação e experiências que apelam ao nosso lado mais criativo.

6. Talasnal

Talasnal
Talasnal

Talasnal é uma aldeia que oferece muitas atividades aos seus visitantes, entre o lazer e os desportos ativos. Aqui reina a natureza selvagem, podendo-se encontrar javalis, corços, veados, e muitas mais espécies. A aldeia tem uma ruela principal, que segue o declive da encosta, e divide-se depois em becos e quelhas, que convidam à exploração.

7. Marialva

Marialva
Marialva

Aqui se encontra bem preservada a essência medieval daquilo que deve ser uma verdadeira aldeia histórica, que foi restaurada para manter as suas características únicas (o que incluiu a restauração do castelo).

Em Marialva é possível observar pequenas casas antigas e lojas com fachadas góticas, que levam a uma pequena praça, onde pode encontrar o pelourinho do século XV, um tribunal e uma antiga prisão.

8. Linhares da Beira

Linhares da Beira
Linhares da Beira

A aldeia medieval de Linhares da Beira, fundada no século XII, apresenta ainda hoje um património arquitetónico muito rico, com destaque para o castelo, com vista para o Mondego.

Nesta aldeia, as tradições ainda se mantêm vivas e fazem parte da vida dos habitantes, com os poucos estabelecimentos comerciais a serem passados de pais para filhos e com as senhoras e levarem a roupa suja até às margens do rio.

9. Monsanto

Monsanto
Monsanto

É conhecida como a “aldeia mais portuguesa de Portugal” desde 1938, título que empunha com orgulho. As ruas e casas da aldeia histórica de Monsanto foram construídas a partir das falésias rochosas e das grandes pedras em granito que a rodeiam.

Rica em história, ainda hoje se realiza o Festival das Cruzes, a cada 3 de maio, que celebra a resistência da aldeia a um cerco feito pelos romanos, no século II a.C. Não deixe de visitar o castelo e aí apreciar a bela paisagem envolvente.

10. Candal

Candal
Candal

Aquela que é uma das aldeias de serra mais visitadas está situada numa colina virada a sul da serra da Lousã, na estrada nacional que liga Lousã a Castanheira de Pera.

As ruas da aldeia são íngremes e conduzem a um belíssimo miradouro, com magnífica vista sobre o vale. Pode encontrar várias atividades a fazer na aldeia ou na região envolvente. Não deixe de visitar a Loja das Aldeias do Xisto.

11. Gondramaz

Gondramaz
Gondramaz

Gondramaz é terra de artesãos e de criatividade, que deixam a sua marca na população e transportam o seu nome para todos os recantos do mundo. Situada na vertente ocidental da serra da Lousã, distingue-se pelo tom único do xisto, presente nas casas e nas ruas.

A aldeia tem conquistado novos habitantes e tem um ambiente muito vivo aos fins de semana, quando se realizam provas de BTT.

12. Casal de São Simão

Casal de São Simão
Casal de São Simão

A encantadora Casal de São Simão tem praticamente só uma rua, com a entrada para a localidade no seu extremo mais alto. A povoação termina junto dos declives, que tornam difícil a continuação do arruamento.

A aldeia é maioritariamente feita de quartzito, encontrando-se nos flancos de uma crista de quartzo que dá origem às Fragas de São Simão. Aqui pode encontrar o templo mais antigo do concelho de Figueiró dos Vinhos. Não deixe de visitar a capela, a fonte, a praia, a Loja Aldeias do Xisto e a Associação Refúgios de Pedra.

Diana Santos
Diana Santos
Nascida e criada em Barcelos, foi no Porto que estudou jornalismo mas chama casa à cidade de Guimarães. Alia o gosto pela escrita à sua paixão por viagens.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva o seu comentário!
Por favor, escreva o seu nome aqui

Artigos relacionados

7 aldeias pouco conhecidas para visitar no Norte de Portugal

O Norte de Portugal é rico em pequenas aldeias, umas mais conhecidas do que outras, onde ainda são...

7 das mais bonitas aldeias históricas de Portugal

Localizadas no centro do país, especialmente perto da fronteira com Espanha, a rede de aldeias históricas de Portugal...

As 6 melhores aldeias de xisto para visitar na Serra da Lousã

A Serra da Lousã é ainda um pequeno tesouro por descobrir para a maioria dos portugueses. Por entre...

Palácio da Pena: o monumento mais bonito de Portugal

Não é tarefa fácil escolher qual é o mais belo monumento em Portugal, até porque é um país...