Domingo, 25 Setembro, 2022

7 das mais bonitas aldeias históricas de Portugal

Data:

Partilhar:

Localizadas no centro do país, especialmente perto da fronteira com Espanha, a rede de aldeias históricas de Portugal engloba 12 povoações com características comuns e uma história semelhante: fortificadas, amuralhadas e com judiaria. 

Caminhar pelas ruas e ruelas destas aldeias é regressar ao passado. As casas são feitas de granito, as janelas estão decoradas com flores e cortinas de renda, a fonte ainda continua a trazer água fresca a quem tem sede. Tudo aqui permanece igual, tal como há centenas de anos.

Muitas das casas destas aldeias foram recuperadas e transformadas em turismo rural. Por isso mesmo, é possível pernoitar por aqui e sentir ainda mais o chamamento da história. Não deixe também de provar a deliciosa gastronomia tradicional destas aldeias típicas.

Se quer descobrir o lado mais genuíno do país e viajar no passado, venha daí descobrir algumas das mais típicas e bonitas aldeias históricas de Portugal.

1. Monsanto

Monsanto
Monsanto

Chamam-lhe a “aldeia mais portuguesa de Portugal”. Seja realidade ou seja apenas um slogan turístico, o certo é que vale bem a pena conhecer a belíssima aldeia de Monsanto. Nos últimos anos, tem atraído cada vez mais turistas nacionais e estrangeiros e não é por acaso.

As suas casas foram construídas em comunhão com a natureza que a rodeia. Quer dizer… em comunhão com as rochas enormes que aqui abundam. Os enormes pedregulhos servem de parede a muitas casas e, em alguns casos, servem também de telhado.

O charme desta aldeia é indiscutível. Agreste e bela ao mesmo tempo, recorda-nos que a motivação e o engenho do homem podem muito bem dominar a paisagem envolvente sem a danificar.

Aproveite para desfrutar da gastronomia típica da região (vai precisar depois de gastar as suas energias a percorrer a aldeia a pé). Pode dormir numa das suas casas de turismo rural e, no dia seguinte, rumar a outras paragens nas redondezas: Penha Garcia, Sortelha e Sabugal são ótimas opções para prolongar o seu roteiro.

2. Sortelha

Sortelha
Sortelha

Vila medieval fronteiriça, Sortelha está hoje na lista de Aldeias Históricas de Portugal com todo o mérito. É, talvez, a mais bem conservada aldeia medieval de Portugal e também uma das mais bonitas. O povoado localiza-se dentro das muralhas circulares do castelo e a sua localização foi crucial na defesa do país.

Passear pelas ruas da aldeia é regressar ao passado. Quase tudo aqui ainda está igual aos tempos medievais do século XIII, altura em que foi construído o seu castelo. As ruas e as casas, todas feitas em granito, estão recuperadas e muitas delas podem ser alugadas para turismo rural.

A aldeia possui ainda cafés e restaurantes onde pode desfrutar da gastronomia local. Visitar Sortelha não exige muito tempo e, por isso, pode aproveitar para conhecer as redondezas. Dê um salto até ao Sabugal (sede de concelho) e conheça o seu castelo, um dos mais bonitos de Portugal.

3. Piódão

Piódão
Piódão

É outra das mais bonitas aldeias de Portugal e dificilmente encontra no país outra como ela. Piódão está classificada como Aldeia Histórica mas é também uma aldeia de xisto. Pertence ao concelho de Arganil e fica na encosta da Serra do Açor. É, talvez, uma das mais famosas aldeias portuguesas.

Chegar até ao Piódão implica vaguear pelas estradas sinuosas da serra, mas a visita vale bem a pena. As suas casas de xisto dispostas ao longo da encosta da serra conferem-lhe a alcunha de “aldeia presépio”.

Passeie pelas suas ruas sinuosas, descubra as suas janelas pintadas de azul e a sua igreja que não se parece com mais nenhuma em Portugal. No final, pare numa das esplanadas de algum dos restaurantes da aldeia e desfrute de um bom petisco da região.

Se ainda estiver com forças e com vontade de descobrir mais nas redondezas, faça o percurso até à aldeia de Foz d’Égua ou visite a deslumbrante Mata da Margaraça e a Fraga da Pena.

4. Castelo Rodrigo

Castelo Rodrigo
Castelo Rodrigo

A aldeia histórica de Castelo Rodrigo foi vila e sede de concelho durante 600 anos. Quando deixou de o ser, perdeu muita da sua importância, mas resta o riquíssimo património que atesta a outrora imponência desta aldeia medieval: as velhas muralhas, as ruínas do palácio de Cristóvão de Moura, o Pelourinho quinhentista, a igreja matriz e a cisterna medieval.

Um passeio pelas suas ruas empedradas revela também a presença de cristãos-novos (judeus convertidos ao cristianismo). Por isso mesmo, aprecie cada detalhe das suas ruas e casas, muitas deles recuperadas ou em fase de recuperação. Com um pouco de atenção, poderá descobrir elementos manuelinos e até casas com motivos de origem árabe.

A partir de Castelo Rodrigo pode explorar a região circundante: destaque para o Parque Natural do Douro Internacional, o Vale do Côa e a Serra da Marofa. Não vá embora da região sem se deliciar com o típico borrego assado à moda beirã.

5. Linhares da Beira

Linhares da Beira
Linhares da Beira

Localizada na vertente ocidental da Serra da Estrela, Linhares da Beira terá tido origem num castro lusitano, sendo conhecido o facto de os Montes Hermínios (o nome lusitano da Serra) serem um dos locais habitados pelos lusitanos, devido às suas pastagens, abundância de água e o enquadramento montanhoso que oferecia proteção. O nome Linhares terá tido origem no linho, que foi em tempos uma das mais importantes culturas da região.

O harmonioso conjunto urbano da povoação, onde casas simples em granito convivem com solares de nobreza antiga, é um autêntico espetáculo para a vista. Um olhar mais atento revelará várias janelas do séc. XVI. A igreja matriz, de pendão românico (mas reconstruída no séc. XVII) é o lar de três valiosas tábuas atribuídas ao Mestre português Vasco Fernandes (Grão Vasco), pelo que merece uma visita.

Para além da igreja, poderá visitar um exemplar único de um fórum medieval, com uma rústica tribuna elevada sobre um banco em redor de uma mesa de pedra. Aqui eram anunciadas à população as decisões comunitárias, e é aqui que pode ver as armas da antiga vila. Destaca-se também, ao lado, um pelourinho quinhentista em granito, rematado pela esfera armilar.

6. Almeida

Almeida
Almeida

Não existe nenhuma outra povoação como Almeida em todo o território português. Localizada muito perto da fronteira com Espanha, esta vila, inserida na lista das Aldeias Históricas de Portugal, está totalmente rodeada por muralhas em forma de estrela, o que atesta bem a necessidade de proteger esta região

As muralhas são mesmo a sua principal atração, mas há mais para descobrir. E a melhor forma de o fazer é caminhar pelas suas ruas e explorar cada beco ou ruela. Deslumbre-se com as casas brasonadas, as flores nas janelas, as lojas tradicionais… e entre em qualquer igreja ou museu que encontrar porque vale sempre a pena.

Pode mesmo fazer de Almeida a sua base para explorar esta região. Nas redondezas existem diversas aldeias históricas e medievais ou pequenas vilas que merecem uma visita: Pinhel, Castelo Rodrigo, Trancoso, Linhares da Beira… a Beira Alta tem muito para descobrir.

7. Trancoso

Trancoso
Trancoso

Uma cidade que faz parte da lista de Aldeias Históricas de Portugal… Estranho? Nem por isso! Trancoso faz parte da lista graças ao seu enorme legado judaico. A cidade albergou uma das maiores comunidades de judeus em Portugal durante a Idade Média. 

Os vestígios da presença judaica ainda hoje são visíveis. Por todo o lado existem pequenos detalhes que evidenciam a sua presença. São vários os edifícios, outrora pertencentes a judeus da terra, que hoje foram recuperados.

Além de todo o património edificado, merece ainda destaque um simples passeios pelas ruas e ruelas da cidade. Dentro das muralhas, as ruas estreitas enchem-se de flores. Por todo o lado existem becos que merecem ser explorados e surpresas ao virar de cada esquina.

Diana Santos
Diana Santos
Nascida e criada em Barcelos, foi no Porto que estudou jornalismo mas chama casa à cidade de Guimarães. Alia o gosto pela escrita à sua paixão por viagens.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva o seu comentário!
Por favor, escreva o seu nome aqui

Artigos relacionados

7 aldeias pouco conhecidas para visitar no Norte de Portugal

O Norte de Portugal é rico em pequenas aldeias, umas mais conhecidas do que outras, onde ainda são...

As 6 melhores aldeias de xisto para visitar na Serra da Lousã

A Serra da Lousã é ainda um pequeno tesouro por descobrir para a maioria dos portugueses. Por entre...

Palácio da Pena: o monumento mais bonito de Portugal

Não é tarefa fácil escolher qual é o mais belo monumento em Portugal, até porque é um país...

Como fazer jeropiga caseira (receita tradicional)

O Outono é aquela época mágica do ano em que começam a chegar as castanhas assadas que tanto...