Domingo, 15 Janeiro, 2023

6 locais perfeitos para uma escapadinha romântica no Gerês

Data:

Partilhar:

De vez em quando é necessário apimentar um pouco as coisas ou, simplesmente, ter um tempo de paz, sossego e serenidade apenas com a sua cara metade. E por isso mesmo, uma escapadinha romântica, mesmo que sejam apenas alguns dias, pode muito bem ser a solução para recuperar a chama perdida. E o Parque Nacional Peneda Gerês possui muitos locais ideais para este tipo de passeio.

São locais onde é possível ter uma escapadinha a dois em aldeias repletas de tradição e com muitas atividades para fazer. E se for adepto de férias na Natureza e ao ar livre, o Parque Nacional Peneda Gerês oferece a possibilidade de realizar ótimos passeios com o seu par enquanto fica alojado numa belíssima casa rústica e romântica, com lareira, de preferência.

Para que não lhe faltem opções, preparamos para si uma lista com alguns dos melhores destinos românticos desta região. Mas claro… o romantismo não depende apenas do local escolhido, mas sobretudo da química entre o casal. Descubra algumas das melhores escapadinhas românticas do Parque Nacional Peneda Gerês.

1. Soajo

Soajo
Soajo

É uma das surpresas mais agradáveis do Gerês. Esta aldeia típica tem sido recuperada a um bom ritmo nos últimos anos. São cada vez mais as pessoas que recuperam as casas que possuem nesta aldeia e as transformam em segunda habitação ou turismo rural.

A aldeia do Soajo é conhecida também pelos seus espigueiros, tal como o Lindoso. Mas não se fique apenas por aí: aventure-se pelo seu interior e descubra uma aldeia de ruas e ruelas estreitas e sinuosas, ladeadas por casas antigas de granito. O passeio é sublime.

Destacam-se também a sua pequena praça central, o Largo do Eiró, com o seu peculiar pelourinho. E nas redondezas pode encontrar o quase secreto Poço Negro, local onde pode desfrutar de um banho refrescante nos dias quentes de Verão.

2. Fafião

Fafião
Fafião

Mais uma aldeia na zona transmontana do Gerês. Fafião localiza-se no concelho de Montalegre e é famosa pela sua história ligada à presença do lobo na região. Apesar de não ser uma das aldeias mais visitadas da região, é uma das mais interessantes.

Ainda preserva alguns hábitos de vida comunitários, como a famosa vezeira, que consiste em juntar todo o gado dos pastores da aldeia e pastoreá-lo em conjunto. A gastronomia local é mais um motivo para visitar esta aldeia.

Mas o grande destaque de Fafião é a natureza circundante, especialmente o seu rio, o rio Fafião. Um rio repleto de pequenos segredos e de lagoas que apenas são conhecidas pelos habitantes locais. Uma delas é o Poço Verde, uma pequena lagoa de água verde cristalina onde se pode refrescar nos dias quentes de Verão.

3. Aldeia de Pontes

Aldeia de Pontes
Aldeia de Pontes

Dasabitada há mais de 15 anos mas nunca esquecida… A Aldeia de Pontes é uma aldeia Inverneira de Castro Laboreiro. Significa isto que alguns dos moradores passavam aqui o Inverno porque esta aldeia teria melhores condições para alimentar o gado durante esta época

Pontes está agora a ser totalmente recuperada para turismo rural. O projeto é recente mas já começa a atrair cada vez mais turistas que procuram paz, sossego e comunhão com a natureza envolvente.

A partir da Aldeia de Pontes saem 7 trilhos pedestres que pode utilizar para explorar a região. A grande maioria destes percursos pedestres são pequenos e de dificuldade fácil. Permitem descobrir uma região repleta de rios de água límpida, pontes medievais, pequenas cascatas e lagoas quase secretas. A não perder!

4. Branda da Aveleira

Branda da Aveleira
Branda da Aveleira

Branda da Aveleira, localizada às portas do Parque Nacional da Peneda Gerês, é um daqueles casos que mostra que a resiliência das pessoas não tem limites. Utilizada durante séculos como residência temporária, este pequeno aglomerado de casas esteve quase a desaparecer no século passado. Mas renasceu das cinzas e agora espera pela sua visita.

Hoje, a Branda da Aveleira possui um conjunto de casas destinadas ao turismo rural. Foram cuidadosamente recuperadas, mantendo a traça original. Tudo foi reconstruído de modo a manter viva a essência da aldeia e proporcionando o conforto que se exige nos dias de hoje.

5. Cascata das Lagoas da Mata da Albergaria

Lagoas da Mata da Albergaria
Lagoas da Mata da Albergaria

Estas são, certamente, uma das cascatas mais secretas e menos visitadas do Gerês. E, curiosamente, até se localizam bem perto de outras mais conhecidas: a cascata da Portela do Homem. Para chegar aqui terá que fazer uma pequena caminhada pela Mata da Albergaria, um bosque quase mágico e repleto de árvores centenárias. Se o caminho é belo, o final é paradisíaco: uma sucessão de pequenas cascatas com lagoas de águas cristalinas e de tom esverdeado. De que está à espera?

6. Pitões das Júnias

Pitões das Júnias
Pitões das Júnias (António Cunha)

Localizada na parte transmontana do Parque Nacional da Peneda Gerês, Pitões das Júnias é uma das aldeias típicas e tradicionais desta região. É também uma das mais famosas e visitadas. E não é por acaso!

É famosa pelo seu fumeiro e pela sua gastronomia e por isso vale bem a pena almoçar em qualquer um dos restaurantes que aqui existem. Depois do almoço, caminhe pelas ruas estreitas da aldeia e descubra os seus recantos e pequenos detalhes.

Se estiver com forças para mais, pode visitar as ruínas do Mosteiro de Pitões das Júnias. O local é mágico e é fácil perder algumas horas a imaginar como seria a vida dos monges que aqui viveram durante séculos. Aventure-se também pelos passadiços até chegar ao miradouro com vistas para a cascata de Pitões das Júnias. A vista vale bem a pena o esforço!

Diana Santos
Diana Santos
Nascida e criada em Barcelos, foi no Porto que estudou jornalismo mas chama casa à cidade de Guimarães. Alia o gosto pela escrita à sua paixão por viagens.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva o seu comentário!
Por favor, escreva o seu nome aqui

Artigos relacionados

Os 7 melhores locais para fazer turismo rural em Trás-os-Montes

Trás-os-Montes é sinónimo de descanso, aventura, natureza e tradição e ganha cada vez mais força como destino de...

7 locais quase desconhecidos para uma escapadinha no Centro de Portugal

O Centro de Portugal tem ainda muitos sítios quase secretos e que a maioria dos turistas não conhece....

7 locais desconhecidos para uma escapadinha no Norte de Portugal

O Norte de Portugal tem ainda muitos sítios quase secretos e que a maioria dos turistas não conhece....

12 plantas que espantam mosquitos e que funcionam como repelentes naturais

Com a chegada do tempo quente, chegam também os insetos, como os mosquitos e as moscas. Nesses casos,...