Domingo, 27 Novembro, 2022

Francesinha à moda do Porto: receita antiga e com um molho delicioso

Data:

Partilhar:

Nasceu no Porto, ganhou fama nacional e agora começa a encantar os turistas estrangeiros. Um pouco mais e acabará por se transformar numa das exportações de maior sucesso em Portugal. 🙂 E tudo começou pelas mãos talentosas de Daniel David Silva, nos anos 50 do século passado.

A ideia era copiar a famosa croque monsieur francesa mas adaptá-la ao gosto português. Estava assim inventada a Francesinha à moda do Porto, que teve a sua primeira aparição no restaurante “A Regaleira“. Daí até se tornar num símbolo nacional foi um pequeno passo.

O grande segredo para a preparar está no molho. E para sermos honestos: todos os molhos dos restaurantes mais famosos são secretos. Mas pode recriá-la em sua casa até atingir a perfeição. 🙂 Aprenda a fazer Francesinha à moda do Porto com esta receita original e antiga.

Ingredientes para a Francesinha à moda do Porto:

  • 6 fatias de pão de forma
  • 8 fatias de queijo
  • 2 bifes de vitela pequenos
  • 2 salsichas frescas
  • 2 linguiças
  • 2 fatias de fiambre
  • qb de sal
  • qb de pimenta

Ingredientes para o molho de Francesinha:

  • 1 cebola
  • 4 dl de cerveja
  • 3 colheres de sopa de polpa de tomate
  • 0.5 dl de brandy
  • 0.5 dl de Vinho do Porto
  • 1 colher de sopa de margarina
  • 1 colher de sopa de farinha maizena
  • 1 cubo de caldo de carne
  • 1 folha de louro
  • qb de leite
  • qb de sal
  • qb de picante

Preparação:

  • Comece por preparar o molho: descasque a cebola e pique-a grosseiramente.
  • Coloque-a num tacho com um pouco de margarina e uma folha de louro. Leve ao lume até alourar.
  • Adicione a polpa de tomate, a cerveja e o caldo de carne. Deixe ferver um pouco.
  • Noutro tacho, dissolva a farinha maizena num pouco de leite.
  • Acrescente este preparado de leite e maizena ao tacho que está no lume, em fio e mexendo sempre.
  • Tempere com um pouco de sal e picante e mexa.
  • Adicione o brandy e o vinho do Porto e deixe ferver mais um pouco.
  • Retire do lume e passe o molho por um coador para retirar os grumos e torná-lo mais fino.
  • Leve-o de novo ao lume brando para aquecer um pouco.
  • Prepare a francesinha: corte as salsichas ao meio (horizontalmente) e novamente ao meio (verticalmente). Tempere-as com um pouco de sal e pimenta.
  • Corte a linguiça da mesma forma.
  • Tempere os bifes com sal e pimenta.
  • Grelhe as salsichas, a linguiça e os bifes.
  • Torre ligeiramente as fatias de pão e distribua-as pelos pratos.
  • Cubra a fatia de baixo com fiambre, seguido do bife e uma nova fatia de pão.
  • Adicione a salsicha, a linguiça e cubra com uma fatia de queijo, seguida pela última fatia de pão.
  • Finalmente, disponha mais 3 fatias de queijo no topo da francesinha.
  • Leve ao forno a 200ºC até derreter.
  • Retire do forno e sirva as francesinhas ainda quentes e regadas com o molho.

Dicas:

  • Se gostar, pode colocar também um ovo estrelado no topo da francesinha, já depois de a retirar do forno.
  • Não tente substituir o forno pelo micro-ondas! O resultado não é o mesmo.
  • É impossível adivinhar todos os ingredientes secretos do molho da francesinha à moda do Porto. O melhor que pode fazer é ir praticando até encontrar um sabor que goste.
  • Se quiser alterar o molho, pode adicionar um pouco de vinho branco ou uma colher de chá de molho inglês, por exemplo.
  • O picante referido nos ingredientes pode ser piripiri ou malagueta.
  • Pode substituir o brandy por whisky.
  • Alguns restaurantes acrescentam caldo de marisco e sopa de rabo de boi para fazer o molho. Os restantes ingredientes são os mesmos.
  • Também pode apurar o sabor do molho com salsa fresca, alho picado, colorau ou cominhos, por exemplo.
  • Acompanhe com batatas fritas, claro! 🙂
Clara Matias
Clara Matias
Aprendeu a cozinhar com a mãe mas foram as receitas da sua avó que mais a cativaram. A cozinha tradicional portuguesa é a sua grande paixão.

2 COMENTÁRIOS

  1. Uma boa receita. A sopa de rabo de boi não acrescenta nada excepto sal. Conheço quem acrescente uma colher rasa de café de mostarda em pó juntamente com pingos de malagueta envelhecidos em cognac.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva o seu comentário!
Por favor, escreva o seu nome aqui

Artigos relacionados

12 passadiços, cascatas e lagoas para descobrir no Norte de Portugal

O Norte de Portugal tem ainda muitos locais quase desconhecidos para a maioria dos turistas, talvez porque são...

10 dos melhores locais para visitar no Douro

O Douro é, sem dúvida, um dos locais mais especiais e bonitos de Portugal. O rio criou o...

8 belíssimos locais perto de Lisboa para visitar em família

É o dilema mais comum em quase todas as famílias lisboetas, especialmente durante os fins de semana ou...

6 das aldeias mais típicas para visitar no Alentejo

Terra de planícies onduladas, com casas caiadas de branco espalhadas por pequenos montes, o Alentejo é uma das...